IR

A função do equipamento de proteção individual

Ferramentas essencialmente importantes na ajuda da prevenção da propagação da infecção durante uma pandemia

No caso de uma pandemia, a disponibilidade e o uso adequado de EPI é fundamental para proteger o pessoal do hospital, outros pacientes e visitantes. Mesmo com a utilização de medicamentos antivirais, respiradores N95, aventais e luvas são a última linha de defesa contra a propagação de um vírus. EPI descartável deve ser utilizada sempre que possível, pois o vírus pode permanecer infeccioso no vestuário por longos períodos de tempo.

 Destaque

Máscaras faciais e respiradores

Proteção contra infecções aerotransportadas

Aventais de Isolamento

Aventais compatíveis com as guidelines AAMI PB70

Who Should Use PPE During a Pandemic?

kc300_inset_kits_resize_preserving_aspect_ratio_to_max_width_224_pixels
  • Todos os trabalhadores de serviços de saúde que prestam assistência direta a pacientes (por exemplo, médicos, enfermeiros, radiologistas e fisioterapeutas)
  • Todo o pessoal de apoio, incluindo os assistentes médicos e pessoal de limpeza
  • Todos os funcionários de laboratório que manuseiam amostras de um paciente que está sendo investigado por doença infecciosa
  • Todos os profissionais do Serviços Central que manuseiam equipamentos que exigem descontaminação e tiveram contato com um paciente com a doença infecciosa
  • Familiares ou visitantes

 

Como dar prioridade ao uso de EPI

Como dar prioridade ao uso de EPI quando os suprimentos são limitados
According to WHO Guidelines, "Provision of necessary PPE supplies should be an institutional priority.7 Reuse of disposable PPE should be avoided because it may increase the potential for contamination. However, if a sufficient supply of PPE is not available, your facility "may consider reuse of some disposable items only as an urgent, temporary solution and only if the item has not been obviously soiled or damaged (e.g. creased or torn).8

  1. Procedimentos que geram aerossol criam aerossóis de diferentes tamanhos (aerossóis de grandes e de pequenas partículas) (Annex 4). Exemplos de procedimentos com geração de aerossol incluem: entubação endotraqueal; administração de medicamentos por nebulização ou aerossolização; indução de escarro para diagnóstico; broncoscopia; aspiração das vias aéreas; tratamento de traqueostomia; fisioterapia respiratória; aspiração nasofaríngea; ventilação com pressão positiva através de máscara facial (por exemplo, BiPAP ou CPAP); ventilação oscilatória de alta frequência; excisão postmortem do tecido pulmonar.
  2. Sempre que possível, os procedimentos com geração de aerossol devem ser realizados em salas de pressão negativa, salas contíguas ou outras áreas de um único paciente com equipe mínima presente (Anexo 4). O EPI deve cobrir torso, braços e mãos, além de olhos, nariz e boca.
  3. As precauções padrão são o nível mínimo de precauções indicadas para todos os pacientes em todos os momentos.
  4. Devem ser usadas luvas de acordo com as precauções padrão. Se a demanda por luvas estiver ligeiramente acima da oferta, o uso de luvas deve ser sempre priorizado para o contato com sangue e fluidos corporais (luvas não estéreis ambidestras) e contato com os locais estéreis (luvas estéreis).
  5. Luvas e aventais devem ser usadas durante os procedimentos de limpeza.
  6. Se houver respingos de sangue ou outros fluidos corporais prematuras, e forem usados aventais que não sejam resistentes a fluidos, um avental impermeável deve ser usado por cima do avental.
  7. Se um determinado respirador não estiver disponível, use máscaras cirúrgicas bem ajustadas.
  8. Se um determinado respirador não estiver disponível, use máscaras cirúrgicas e protetores faciais bem ajustados.
  9. Use proteção para os olhos se houver possibilidade de contato próximo (< de 1 metro) com o paciente.
  10. Forneça máscara cirúrgica para o paciente (se tolerado), quando o paciente estiver fora da área da sala de isolamento.

Clique aqui para ver um guia sobre remoção adequada do EPI.

Clique aqui para vera as guidelines completas para controle de infecção do período da OMS

 

┼ Exposição a pássaros em regiões com infecções de gripe aviária em animais ou exposição a paciente infectado por gripe aviária.

7 Avian Influenza, Including Influenza A (H5N1), in Humans: WHO Interim Infection Control Guideline for Health Care Facilities, p.14, World Health Organization, Amended April 24, 2006

8 Avian Influenza, Including Influenza A (H5N1), in Humans: WHO Interim Infection Control Guideline for Health Care Facilities, p.22, World Health Organization, Amended April 24, 2006